Início Desporto Jogador do Krasnodar acusa árbitro de beneficiar FC Porto

Jogador do Krasnodar acusa árbitro de beneficiar FC Porto

156
0
COMPARTILHE

Jogador do Krasnodar acusa árbitro de beneficiar FC Porto

Uros Spajic, defesa sérvio do Krasnodar, criticou a atuação do árbitro Tobias Stieler no jogo da primeira mão da 3.ª pré-eliminatória com o FC Porto.

«Fizemos tudo o que podíamos e mostrámos que podemos jogar contra adversários deste nível», desabafou.

Em causa, uma grande penalidade que diz ter ficado por assinalar a favor da equipa russa e o livre que acabou por resultado no golo de Sérgio Oliveira.

«O jogo devia ter terminado empatado. É uma pena porque jogamos bem. É mau quando o árbitro se torna a estrela principal em campo», começou por dizer, acrescentando de seguida: «Acho que devia ter marcado penálti a nosso favor. Depois marcou aquele livre em que não houve contacto.»

O livre direto certeiro de Sérgio Oliveira foi o corolário de um jogo que a equipa portista controlou completamente na primeira parte e em que criou duas oportunidades soberanas de resolver a partida e a eliminatória, perante um Krasnodar que entrou muito inseguro, precipitado, a acusar o peso de um jogo para a Liga dos Campeões e incapaz de reagir até ao intervalo.

Numa única intervenção, Marchesín, que passou o jogo praticamente sem ter de entrar em ação, justificou a decisão arriscada de Sérgio Conceição de o lançar à titularidade com meia dúzia de treinos feitos e num jogo de tanta responsabilidade.

O jogo da segunda mão disputa-se a 13 de agosto no Estádio do Dragão, no Porto, a partir das 20 horas. Se eliminar o Krasnonar, o F. C. Porto vai defrontar no play-off o vencedor da eliminatória que opõe os gregos do Olympiacos aos turcos do Istambul Basaksehir. A primeira mão deu vantagem aos gregos que venceram por 0-1 na Turquia.

COMPARTILHE