Início Desporto Manuel José com opinião curiosa sobre Raul de Tomás

Manuel José com opinião curiosa sobre Raul de Tomás

502
0
COMPARTILHE

Raul De Tomás é um dos jogadores mais caros da história do Benfica. O jogador foi apenas mais barato do que Raul Jimenez que, curiosamente, também nunca fez grande sucesso no Benfica, sendo suplente.

Seja como for, nenhum dos dois avançados foram propriamente um prejuízo para os encarnados, uma vez que o clube não perdeu dinheiro com eles. Os craques foram caros, não renderam o esperado, mas o Benfica acabou por os vender muito bem, descalçando bem esta bota.

No entanto, se o mexicano Jimenez já provou ser um avançado de grande qualidade, a prová-lo o seu rendimento muito bom na seleção mexicana e agora no Wolverhampton, mas Raul De Tomás continua longe das expetativas. Pelo menos, até ver.

E isso nem surpreende Manuel José, antigo treinador do Benfica e atualmente comentador no programa ‘Grande Área’, da RTP 3. Para Manuel José, não o surpreende propriamente o fracasso de RDT, mas antes a aposta que o Benfica fez por ele.

Na opinião do treinador, o avançado espanhol , formado no Real Madrid, não é jogador para um ‘grande’, e mostrou isso no Benfica.

“O Raul de Tomas veio de um clube pequeno para o maior de Portugal, com todo o respeito para todos os outros, e ser jogador num clube pequeno é uma coisa, num clube grande a história é outra,

Será que ele soube lidar com os 20 milhões pagos, que não são normais em Portugal, por um jogador? Vi sempre um jogador com ansiedade, triste e honestamente em todos os jogos não o vi fazer nada que justificasse o valor pago”, opinou o antigo treinador dos encarnados.

Questionado sobre a passagem pelo Real Madrid, Manuel José desvalorizou completamente, até porque o jogador espanhol nunca foi capaz de se impor nos merengues: “É da escola do Real Madrid? Quantos jogos fez na equipa principal? O Renato Sanches também fez a formação no Benfica, foi campeão e campeão da Europa pela Seleção e foi para o Bayern. E chegou ali e falhou. E por aí fora”.

COMPARTILHE