MundoNoticiasTecnologias

De partir o coração: pais despedem-se da filha bebé e ficam a lutar pela Ucrânia

É mais uma imagem dolorosa dos efeitos colaterais desta guerra. Nos últimos 14 dias, mais de dois milhões de ucranianos conseguiram fugir do país, empurrados pelo terror de Vladimir Putin. Para trás, ficaram mais de 40 milhões de ucranianos. Alguns não podem ir embora, outros não o querem ou não o podem fazer.

Realidades duras que têm emocionado o mundo. São muitos os vídeos de despedidas de partir o coração. Enquanto alguns fogem para sobreviver e começam um futuro do nada. Outros resistem estoicamente a estas invasões e vão lutando contra a poderosa Rússia.

Famílias que se separam, quando mulheres e crianças fogem e os pais ficam a lutar na Ucrânia, por essa imposição da lei marcial. No entanto, são também muitos os casos de filhos que partem sozinhos. Um menino de onze anos emocionou a todos, quando fugiu sozinho da Ucrânia. A mãe teve que ficar com a avó da criança e ele foi sozinho.

Agora, há uma outra imagem dolorosa de uma bebé que deixa os pais para trás. A menina vai partir para um país seguro, pai e mãe ficam a defender a Ucrânia. São os dois soldados e choram abraçados à menina.

“A mãe e o pai desta criança estão a defender Kyiv. Foram-se despedir. Orgulho incrível pelos ucranianos e raiva indescritível contra os inimigos”, pode ler-se na descrição desta imagem, que foi partilhada no Telegram e no Twitter.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo